Arquivo | junho, 2011

Aquele sobre saudade.

16 jun

Os primeiros raios de sol que tecem a manhã começam a invadir o meu quarto e é o teu rosto a primeira imagem que me vem ao pensamento. O primeiro desejo que me consome é o de que eu queria estar acordando ao teu lado, sentindo teu cheiro. Anseio pelo teu sorriso aberto, tua risada doce que eu queria poder guardar.

Confesso que às vezes você me decepciona por não perceber aquilo que me é tão óbvio. Eu só quero cuidar de você, bonito. Às vezes é difícil expressar e você acaba interpretando mal. E doi. Doi quando vou dormir achando que te magoei mais que a mim. Só entenda que existem dias em que a gente transborda de saudade e acaba afogando alguém… Lamento quando esse alguém é você. Mas a saudade é sempre a minha alma gritando que quer estar ao lado teu.

Só agora percebo que o sol já se despediu e é a lua quem me faz companhia, iluminando essa espera de te ver chegar.

Anúncios